28/05/2010

Políticas públicas “emancipatórias” no Brasil: uma análise acerca das possibilidades de geração de emprego e renda a partir da economia social e solidária

Leandro Pereira Morais & Miguel Juan Bacic
2010

Este trabalho realiza uma discussão teórico-conceitual sobre economia social e economia solidária, mostrando suas relações com as políticas públicas que visam à emancipação de grupos desfavorecidos no âmbito da geração de emprego e renda.

Analisa-se a relação dessas políticas com o Programa Bolsa Família, em seu intento “emancipatório”, e as dificuldades dos empreendimentos econômicos solidários (EES) no Brasil, com base no Atlas da Economia Solidária da Secretaria Nacional de Economia Solidária (Senaes). Entende-se que conhecer a dinámica dos EES, bem como as políticas públicas em elaboração e experimentação, constitui-se um passo importante para desvendar e enfrentar a realidade de um país marcado por uma profunda desigualdade socioeconômica.

Palavras-chave: Políticas públicas, Economia social, Economia solidária, Emancipação. Emprego.

BUSCAR EN ESTUDIOS E INVESTIGACIONES

Con la colaboración de: